Como conseguir emprego em Portugal ainda no Brasil?

Arranjar um emprego em Portugal é o sonho de muitos brasileiros que buscam conseguir uma vida melhor na Europa. O país encanta pela qualidade de vida, segurança, cultura, gastronomia e proximidade com o Brasil.

Mas como obter uma colocação em Portugal ainda no Brasil? Quais são os requisitos, as oportunidades e os salários?

Neste artigo, vamos elucidar essas e outras questões sobre o mercado de trabalho português e dar dicas para se preparar para essa mudança.

Requisitos para trabalhar em Portugal

Para trabalhar legalmente em Portugal, é imprescindível ter um visto de trabalho ou uma autorização de residência que possibilite o exercício de atividade profissional.

Há diferentes tipos de visto e de autorização de residência, conforme o perfil e o objetivo do trabalhador. Alguns dos mais usuais são:

  • Visto D2: para quem almeja exercer uma atividade independente ou abrir uma empresa em Portugal;
  • Visto D3: para quem possui um contrato de trabalho ou uma promessa de contrato de trabalho em Portugal;
  • Visto D4: para quem vai estudar ou fazer pesquisa em Portugal e pretende trabalhar parcialmente;
  • Visto D7: para quem dispõe de rendimentos próprios ou aposentadoria e quer viver e trabalhar em Portugal;
  • Autorização de residência para atividade profissional subordinada: para quem possui um contrato de trabalho ou uma promessa de contrato de trabalho em Portugal;
  • Autorização de residência para atividade profissional independente: para quem desempenha uma atividade independente ou é proprietário de uma empresa em Portugal.

Para requerer o visto ou a autorização de residência, é necessário reunir uma série de documentos, como passaporte válido, comprovante de alojamento, seguro de saúde, atestado médico, certificado de antecedentes criminais, comprovante de rendimentos, entre outros.

Você pode gostar: Como Fazer Renda Extra na Internet?

Os documentos devem ser apresentados no consulado português no Brasil ou no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) em Portugal, respectivamente.

Oportunidades para trabalhar em Portugal

O mercado de trabalho português está em uma fase de recuperação após a crise econômica provocada pela pandemia da Covid-19. Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a taxa de desemprego em Portugal foi de 6,5% no terceiro trimestre de 2021, a mais baixa desde o início da pandemia.

O país conta com cerca de 339 mil pessoas desempregadas e 4,8 milhões empregadas.

As oportunidades para trabalhar em Portugal variam conforme a região, o setor e a qualificação do trabalhador. De acordo com o portal Net-Empregos, os distritos com mais ofertas de emprego são Lisboa, Porto e Braga.

Já os setores que mais contratam são os de hotelaria e restauração, comércio e serviços, informática e telecomunicações, saúde e educação.

Algumas das profissões mais demandadas em Portugal são:

  • Programador;
  • Enfermeiro;
  • Professor;
  • Engenheiro;
  • Contabilista;
  • Técnico de manutenção;
  • Recepcionista;
  • Operador de call center;
  • Cozinheiro;
  • Motorista.

Salários para trabalhar em Portugal

O salário mínimo nacional em Portugal é de 665 euros por mês em 2021. Contudo, o salário médio varia conforme a região, o setor e a qualificação do trabalhador. Segundo o INE, o salário médio mensal líquido em Portugal foi de 1.031 euros no terceiro trimestre de 2021.

Os distritos com os salários médios mais elevados são Lisboa (1.279 euros), Porto (1.057 euros) e Coimbra (1.041 euros). Já os setores com os salários médios mais elevados são os de eletricidade, gás e água (1.783 euros), informação e comunicação (1.671 euros) e atividades financeiras e seguros (1.626 euros).

Algumas das profissões com os salários médios mais elevados em Portugal são:

  • Diretor geral (4.500 euros);
  • Médico (3.500 euros);
  • Advogado (2.500 euros);
  • Arquiteto (2.000 euros);
  • Farmacêutico (2.000 euros);
  • Gestor comercial (1.800 euros);
  • Analista financeiro (1.600 euros);
  • Designer gráfico (1.500 euros);
  • Jornalista (1.300 euros);
  • Assistente social (1.200 euros).

Dicas para obter uma colocação em Portugal ainda no Brasil

Obter uma colocação em Portugal ainda no Brasil não é inviável, mas requer pesquisa, planejamento e persistência. Veja algumas dicas para potencializar as suas chances:

Atualize o seu currículo

Adapte o seu currículo ao formato europeu, ressaltando as suas competências profissionais, acadêmicas e linguísticas. Evite informações supérfluas ou inverídicas.

Busque vagas nos sites especializados

Há vários sites que divulgam ofertas de emprego em Portugal, como Net-Empregos, SAPO Emprego, Indeed, LinkedIn e Euro Dicas Emprego. Cadastre-se nessas plataformas e envie o seu currículo para as vagas que se adequam ao seu perfil.

Faça networking

Amplie a sua rede de contatos profissionais com pessoas que já trabalham ou que almejam trabalhar em Portugal. Participe de grupos nas redes sociais, fóruns online e eventos presenciais ou virtuais relacionados à sua área de atuação.

Invista na sua qualificação

Aproveite o tempo no Brasil para se capacitar na sua área ou aprender novas habilidades que possam valorizar o seu currículo. Faça cursos online ou presenciais, obtenha certificações ou diplomas reconhecidos internacionalmente.

Aprenda idiomas

Dominar o português de Portugal é essencial para trabalhar no país, mas não é suficiente. Muitas empresas exigem também o conhecimento de outros idiomas, como inglês, espanhol ou francês. Estude essas línguas por conta própria ou faça um curso formal.

Prepare-se para as entrevistas

Se for selecionado para uma entrevista de emprego em Portugal ainda no Brasil, prepare-se bem para essa etapa. Pesquise sobre a empresa, o cargo e o mercado de trabalho em Portugal.

Treine as suas respostas para as perguntas mais frequentes, como as suas motivações, os seus pontos fortes e fracos, os seus projetos e as suas expectativas. Mostre confiança, profissionalismo e interesse pela vaga.

Luciano Miranda

Meu nome é Luciano Miranda, sou fundador e estrategista digital da Agência GL, empresa especializada em marketing digital. Desenvolvi o blog Emprego Logo para compartilhar aprendizados, informações e benefícios para ajudar outras pessoas a darem o pontapé inicial em suas carreiras. Com mais de 15 anos de experiência escrevendo artigos online, já ajudei a milhares de pessoas levando informações sobre vagas e oportunidades todos os dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo